Deploy Everyday my journey on Life & Internets

Primeiros dias em Medellín

Medellin Paisagem

Oi gente, como vão vocês? Tô aqui em Medellín há 12 dias e decidi começar a compartilhar um pouco sobre as aventuras Colombianas.

Por que eu tô em Medellín? Tudo começou quando aceitaram uma palestra na PyCon Colombia 2018. Fiquei faceiro, né. Eu provavelmente iria passar uma, no máximo duas semanas por aqui, pra participar da conferência e conhecer um pouco da cidade. Porém a caixinha de surpresas chamada vida me trouxe um trampo remoto, o que alterou levemente o roteiro… AGORA SERÃO 50 DIAS em Medellín, Guatapé, Cartagena e alguma ilha caribenha.

Medellín é incrível. As pessoas, os lugares, a vibe, a comida, os cafés, as caminhadas, os parques. Eu também fico num baias porque tenho frequentado as partas mais turísticas e movimentadas – Poblado e Laureles –, mas a cidade também tem suas áreas mais maltratadas socialmente. Ah, o trânsito é caótico também, mas pra quem viveu em Floripa os dois últimos anos, qualquer lugar é um caos hahaha

Então, 12 dias em Medellín, o que rolou até agora?

Primeiramente, já cheguei perdidasso na cidade. O endereço do Airbnb estava incompleto e o Google Maps me fez dar uma caminhada e pedir informações na rua, de noite, com todas as minhas coisas nas costas. Aprendizado: pegar não somente o endereço do local, mas também o nome do condomínio e referências 😉

Segundamente, agradecimentos especiais ao Benjy Malca. Esse Peruano foi nas últimas duas Python Brasil, mas eu conheci ele de verdade na PyConAR ano passado. Brother demais, tá comigo em quase todos os rolês por aqui ❤️

Cafés

Poblado tem diversos cafés/lounges, onde eu tenho ido para trabalhar. A qualidade do café aqui é excelente e os preços até que são bacanas: R$4 Expresso, R$6 Cold Brew, R$8 Frappuccino. Isso que a área mais turística da cidade, então imagino que outras partes devem ter um preço ainda mais suave. Lugares que totalmente recomendo são o Rumah-Soul Up, Pergamino Café, Creador Café, BuenaVida Café.

Também é nesses lugares que você encontra as maravilhas do mundo, como a famigerada LIMONADA DE CAFÉ (baixo direita). Sim, café com limão. E é incrível.

Cafés de Medellin

Eventos

Pra quem curte rolês aleatórios: deem uma olhada nos eventos do Meetup, Couch Surfing e procure uma agenda local da cidade (no caso, Medellín tem a InfoLocal). São ótimos pra conhecer uma galera, experimentar coisas novas e fugir um pouco do turismo clássico. Primeira semana eu já cheguei fazendo uma aula de Yoga num Coworking.

Pelo Couch Surfing encontrei um grupo de pessoas que se reune todo Sábado de manhã pra jogar Ultimate Frisbee. E QUE ESPORTE BACANA. É tipo futebol americano, mas sem contato e com um frisbee. Ok, ok, não é nada parecido, mas é divertido demais.

E o resultado desses rolês? Entrei num grupo de WhatsApp chamado Medellín Meetups, onde uma galera daqui e estrangeiros se encontram pra sair/fazer qualquer coisa juntos 😀 Foi com essa galera que me reuni pra ver o Super Bowl e tomar umas cervejinhas. Conhecer gente nova é muito amor.

Jardín Botánico e Museo de Antioquia

Outro local bacaníssimo pra passear e fazer piquenique é o Jardim Botânico de Medellín. O lugar tem 14 hectares e mais de 1.000 espécies de coisas vivas (vide Wikipedia). O rolê é bem calmo, pra relaxar mesmo. Lá tem uma lagoa com uns patos, peixes e tartarugas. E lagartos. ENORMES. VÁRIOS. Quase sequestrei um de tão lindos.

Já o Museu de Antioquia tem uma coleção incrível de obras do artista Fernando Botero, conhecido por seus traços exagerados. Quadros clássicos como Pedrito, La Colombiana, Pablo Escobar Muerto estão por lá. E as esculturas são lindíssimas, com volumes exaltados e identidade única.

Obras Pedro Botero

(jojo apreciador da arte 2018 TM)

Parque Arví

Esse rolê é doido. Parque Arví é uma reserva natural enorrrrme, com 16 mil hectares, sendo 1.760 florestas naturais intocadas. Porém, somente pra chegar lá é uma aventura.

Primeiro, metrô até a estação Acevedo. Btw, metrô de Medellín é excelente e custa somente R$2,50 (se fizer o cartão de integração, fica ainda mais barato). Depois, são 20 minutos de teleférico até o Parque. Metade desse trajeto é sobre algumas comunidades mais pobres de Medellín e outra metade sobre as florestas do parque. Breathtaking, essa é a única expressão possível. O passeio é lindo demais!

Já no Parque, há diversas coisas pra fazer entre as 54 milhas de trilhas. Como ainda tinha que trabalhar de noite, eu e o Benjy fizemos uma caminha de 1h até um área de piquenique, comemos e fomos embora. Mas cada centímetro daquele lugar é lindo.

Ah, lá tem um pico que vende folha de coca! Na real, tem várias coisas feitas com folha de coca: pomadas, café, chá, aguardente, rum, farinha etc. Primeira vez que mastiguei umas folhas hahahha é bem amargo e não senti nada demais 😔 mas o chá com mel é excelente.

Hoja de Coca

Ainda tem muita coisa pra contar sobre Medellín, segurem os cintos!

Share this on

Comment